Perspectivas e limites da pesquisa quantitativa na produção de conhecimento em Marketing: A metáfora do cadeado

  • Salomão Alencar de Farias Universidade Federal de Pernambuco

Abstract

Este ensaio aborda tópicos relacionados à pesquisa quantitativa e sua contribuição para o avanço do conhecimento em marketing no Brasil. Para tanto, propõe a metáfora do cadeado, discutindo de maneira leve aspectos relevantes da abordagem quantitativa de investigação na área do marketing, e revelando que, por vezes, a segurança dos números pode ocultar os limites deste tipo de pesquisa. No início dos anos 90 esta abordagem dominou as publicações e a formação de pesquisadores nos programas de pós-graduação em administração e ainda hoje é maioria nos artigos apresentados em congressos e revistas acadêmicas no país. A contribuição da pesquisa quantitativa na produção do conhecimento em marketing é clara considerando o levantamento feito por pesquisadores brasileiros; no entanto, os limites da abordagem não podem ser negligenciados. O texto caracteriza-se como uma reflexão e não se propõe a ser prescritivo, mas apenas instigar o leitor a repensar os limites e as perspectivas da pesquisa quantitativa no marketing.

Downloads

Download data is not yet available.
Published
Apr 1, 2013
How to Cite
FARIAS, Salomão Alencar de. Perspectivas e limites da pesquisa quantitativa na produção de conhecimento em Marketing: A metáfora do cadeado. Revista de Negócios, [S.l.], v. 18, n. 1, p. 25-33, apr. 2013. ISSN 1980-4431. Available at: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/rn/article/view/3614>. Date accessed: 12 aug. 2022. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1980-4431.2013v18n1p25-33.