O PROCESSO DE FORMULAÇÃO DE ESTRATÉGIAS EM SUPERMERCADOS: UM ESTUDO DE CASOS MÚLTIPLOS

  • Claudionor Guedes Laimer
  • Viviane Rossato Laimer

Abstract

Este artigo apresenta o resultado do estudo realizado em empresas do setor supermercadista, descrevendo como ocorreu o processo de formulação de estratégias, à luz da tipologia de Mintzberg (1973) e Quinn (1980). De maneira geral, demonstra como os estrategistas das empresas formularam suas estratégias num ambiente de instabilidade política e econômica e de forte turbulência financeira, que o país atravessou nos últimos 50 anos. O estudo caracteriza-se pelo design de pesquisa de natureza qualitativa com estratégia de estudo de casos múltiplos (YIN, 2004). Este estudo contempla a perspectiva de análise longitudinal, explicitando seu caráter temporal e sua abrangência histórica, em face dos longos períodos dos processos de formulação de estratégias dos supermercados. Para explicar as estratégias adotadas destacam-se os principais eventos críticos, agrupando-os em períodos estratégicos para identificação dos tipos de processo de formulação de estratégias utilizados. Como resultado, o estudo demonstra, que mesmo analisando o setor supermercadista, não há similaridade nas estratégias adotadas pelas empresas, cujas características são únicas e exclusivas em cada uma das empresas. As empresas supermercadistas apresentaram diferenças nas estratégias adotadas, em função de influências internas e externas, sobre tudo do ambiente instável e de forte turbulência.
Published
Jun 25, 2007
How to Cite
LAIMER, Claudionor Guedes; LAIMER, Viviane Rossato. O PROCESSO DE FORMULAÇÃO DE ESTRATÉGIAS EM SUPERMERCADOS: UM ESTUDO DE CASOS MÚLTIPLOS. Revista de Negócios, [S.l.], v. 11, n. 3, june 2007. ISSN 1980-4431. Available at: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/rn/article/view/214>. Date accessed: 28 nov. 2021. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1980-4431.2006v11n3p%p.

Keywords

Supermercados; Estratégia; Planejamento estratégico