Cenários de desenvolvimento para o Amapá 2020-2050

##plugins.pubIds.doi.readerDisplayName## http://dx.doi.org/10.7867/2317-5443.2019v7n3p53-86

Resumo

Este artigo descreve as atividades econômicas atualmente em curso no estado do Amapá e prospecta cenários de desenvolvimento para o período 2020-2050. Apresenta as atividades que mobilizam recursos naturais e o uso da terra, como mineração, hidrelétricas, petróleo e gás, agronegócio, áreas protegidas, além das condições da urbe amapaense. Em termos metodológicos, utiliza variáveis de empregabilidade, impactos, riscos e conflitos distributivos para prospectar três possíveis cenários: um trágico, um tradicional e um sustentável. Conclui-se que o Amapá segue tendência que caminha para uma realidade que se situa entre o trágico e o tradicional, embora não se descarte o cenário sustentável como utopia societária emancipatória. Contudo, este cenário somente é admitido epistemologicamente, em contexto de radical mudança política, distante do atual quadro dominado pela regulação social neoliberal.
Publicado
Mar 3, 2020
Como citar
CHAGAS, Marco Antonio; FILOCREÃO, Antônio Sérgio Monteiro. Cenários de desenvolvimento para o Amapá 2020-2050. Revista Brasileira de Desenvolvimento Regional, Blumenau, v. 7, n. 3, p. 53-86, mar. 2020. ISSN 2317-5443. Disponível em: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/rbdr/article/view/8334>. Acesso em: 09 dez. 2021. doi: http://dx.doi.org/10.7867/2317-5443.2019v7n3p53-86.
Seção
Artigos

Palavras-chave

Amapá; Amazônia; cenários; desenvolvimento; recursos naturais.