O mapa dos conflitos ambientais em Minas Gerais

Resumo

Este artigo apresenta o processo da construção do “Mapa dos Conflitos Ambientais em Minas Gerais” e os seus pressupostos teórico-metodológicos. Serão apresentadas as diferenças entre o mapeamento de lutas sociais e a cartografia social, assim como o desenvolvimento da abordagem do “conflito ambiental” durante a elaboração do projeto, com base em exemplos práticos de conflitos sobre hidrelétricas, acesso à água no espaço urbano, a incineração de lixo hospitalar, monoculturas, entre diversos outros. O principal objetivo do projeto era criar um observatório interativo de conflitos ambientais para facilitar a troca de experiências entre grupos sociais que lutam por justiça ambiental e para introduzir os princípios da equidade ambiental nos diversos processos de planejamento.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
Mai 24, 2018
Como citar
LASCHEFSKI, Klemens Augustinus. O mapa dos conflitos ambientais em Minas Gerais. Revista Brasileira de Desenvolvimento Regional, Blumenau, v. 5, n. 2, p. 073-092, maio 2018. ISSN 2317-5443. Disponível em: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/rbdr/article/view/6452>. Acesso em: 05 dez. 2022. doi: http://dx.doi.org/10.7867/2317-5443.2017v5n2p073-092.
Seção
Artigos

Palavras-chave

Cartografia social; interatividade; justiça ambiental; lutas sociais; mapeamento de conflitos ambientais; Minas Gerais.