Identificação do processo de endividamento familiar em Santa Rosa-RS

  • Marco Antonio da Costa Malheiros Instituto Federal Farroupilha - Campus São Vicente
  • Claudio Edilberto Höfler Instituto Federal Farroupilha - Campus Santa Rosa
  • Sergio Guilherme Schlender Instituto Federal Farroupilha - Campus Santa Rosa
  • Lidiéli Neves dos Santos Instituto Federal Farroupilha - Campus Santa Rosa
  • Bruna Gabriela Warmbier Instituto Federal Farroupilha - Campus Santa Rosa

Resumo

Num contexto de consumo excessivo e de crise econômica, consumidores têm comprometido uma parcela significativa de suas rendas familiares, incorrendo em desequilíbrios no orçamento e, consequentemente, em aumento no endividamento. O presente trabalho tem como objetivo identificar os elementos influenciadores do processo de endividamento familiar no município de Santa Rosa, no estado do Rio Grande do Sul. Para tanto, realizou-se análise do perfil amostral e análise fatorial, bem como teste T e ANOVA para verificar o impacto desses elementos na contração de dívidas, em 182 famílias daquele município, durante os meses de novembro de 2015 a março de 2016. Como resultado, a análise fatorial permitiu identificar os principais construtos com boa adequação e extração. Baseado nesses fatores notam-se diferenças significativas no perfil amostral e na forma como as famílias são influenciadas quando possuem dívidas a vencer e vencidas.

Código JEL | D14; O18; R15.

Publicado
Dez 12, 2016
Como citar
MALHEIROS, Marco Antonio da Costa et al. Identificação do processo de endividamento familiar em Santa Rosa-RS. Revista Brasileira de Desenvolvimento Regional, Blumenau, v. 4, n. 2, p. 217-245, dez. 2016. ISSN 2317-5443. Disponível em: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/rbdr/article/view/5646>. Acesso em: 25 jan. 2022. doi: http://dx.doi.org/10.7867/2317-5443.2016v4n2p217-245.
Seção
Artigos

Palavras-chave

Análise fatorial; endividamento familiar; perfil amostral; Rio Grande do Sul.