Eleições no Brasil em 2018: discursos e práticas da violência.

Resumo

Este artigo versa sobre os discursos e práticas de violência realizadas na campanha presidencial de 2018. Neste pleito uma parte dos militares apoiaram abertamente o candidato Jair Messias Bolsonaro filiado na época ao partido Social Liberal (PSL) e este saiu vitorioso, no segundo turno. A pesquisa analisa o contexto político de 2018, as falas do presidente eleito e as práticas de violência ocorrida na época. Foram reunidos para este trabalho matérias de jornais, obras e artigos científicos que abordam a temática pesquisada. O apoio dos militares e os discursos proferidos pelo eleito provocaram um clima tenso no processo político eleitoral e consequentemente estimulou atos de violências em várias regiões do país.
Publicado
Dez 20, 2021
Como citar
APARECIDO GONÇALVES, Israel; PRADO ATASSIO, Aline. Eleições no Brasil em 2018: discursos e práticas da violência.. Linguagens - Revista de Letras, Artes e Comunicação, [S.l.], v. 15, n. 3, p. 043-062, dez. 2021. ISSN 1981-9943. Disponível em: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/linguagens/article/view/9416>. Acesso em: 23 maio 2022. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1981-9943.2021v15n3p043-062.
Seção
Artigos

Palavras-chave

Violência. Militares. Eleições.