MODELAGEM MATEMÁTICA NA SALA DE AULA: UMA ABORDAGEM INTERDISCIPLINAR NO ENSINO DE FÍSICA

  • Maria Rosana Soares Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
##plugins.pubIds.doi.readerDisplayName## http://dx.doi.org/10.7867/1982-4866.2016v22n2p79-103

Resumo

Este artigo objetiva apresentar e discutir as contribuições obtidas por meio das atividades de Modelagem sobre energia elétrica no Ensino de Física. Isso foi aplicado em colégios estaduais, Paraná. O estudo se orienta a partir de pesquisas bibliográficas e práticas; metodologicamente, faz uso da pesquisa qualitativa e do tipo estudo de caso, em que as coletas de dados se deram por meio da observação, intervenção na pesquisa, dados extraídos dela e questionário pós-teste: dados retirados da COPEL, anotações, registros e materiais elaborados pelos sujeitos. Portanto, as atividades desenvolvidas de Modelagem propiciaram contribuições aos sujeitos em termos sociais, ambientais, financeiros e conceitos estudados e pesquisados, pois eles evidenciaram a relevância do uso racional da energia elétrica e seu uso consciente cotidianamente.

Publicado
Dez 15, 2016
Como citar
SOARES, Maria Rosana. MODELAGEM MATEMÁTICA NA SALA DE AULA: UMA ABORDAGEM INTERDISCIPLINAR NO ENSINO DE FÍSICA. Revista Dynamis, [S.l.], v. 22, n. 2, p. 79-103, dez. 2016. ISSN 1982-4866. Disponível em: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/dynamis/article/view/6234>. Acesso em: 01 dez. 2021. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1982-4866.2016v22n2p79-103.
Seção
Artigos

Palavras-chave

Modelagem Matemática. Ensino de Física. Energia Elétrica. Ensino e Aprendizagem. Interdisciplinar.