CARTAS E POSTAIS COMO REFERÊNCIA EM PROBLEMAS NO LIVRO DE ARITMÉTICA DE OTTO BÜCHLER

  • Rosa Lydia Teixeira Correa Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PUCPR.
  • Roberto João Eissler Instituto Federal de Santa Catarina - IFSC.

Resumo

O artigo tem como referência o manual escolar de Otto Büchler, “Arithmetica Pratica em quatro partes”. Livro, originalmente escrito em alemão, traduzido por Homero Dias Cardozo e publicado pela Editora Rotermund & Co de São Leopoldo e Cruz Alta, no Rio Grande do Sul. Circulou no Brasil entre os anos de 1915, primeira edição, até, pelo menos, 1932, na 6ª edição da parte três. Analisamos dois problemas nele contidos, destacando o fato de que esse manual destina-se, sobretudo, a aritmética. Cartas e cartões postais são analisados para argumentar a finalidade pedagógica dos mesmos durante a Primeira Guerra Mundial onde foram impingidas práticas coercitivas a imigrantes alemães radicados no Brasil. Servem para ilustrar abordagens intuitivas sobre a compreensão de saberes matemáticos algébricos e aritméticos na escola primária.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
Set 18, 2017
Como citar
CORREA, Rosa Lydia Teixeira; EISSLER, Roberto João. CARTAS E POSTAIS COMO REFERÊNCIA EM PROBLEMAS NO LIVRO DE ARITMÉTICA DE OTTO BÜCHLER. Atos de Pesquisa em Educação, [S.l.], v. 12, n. 2, p. 389-405, set. 2017. ISSN 1809-0354. Disponível em: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/atosdepesquisa/article/view/6629>. Acesso em: 06 fev. 2023. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1809-0354.2017v12n2p389-405.

Palavras-chave

Escola teuto-brasileira; Manual escolar; problemas de álgebra e aritmética.