JOGOS PARA O ENSINO DE ARITMÉTICA NO MANUAL A ARITMÉTICA NA ESCOLA NOVA – A NOVA DIDÁTICA DA ARITMÉTICA (1933) DE BACKHEUSER

  • Cintia Schneider Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Educação Científica e Tecnológica da Universidade Federal de Santa Catarina.
  • David Antonio Costa Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC.

Resumo

O presente artigo tem por objetivo investigar a abordagem de jogos para o ensino de aritmética no manual A aritmética na Escola Nova – a nova didática da aritmética (1933), de Backheuser. Destaca-se o papel dos manuais pedagógicos como fontes de pesquisa, revelando aspectos de uma cultura escolar influenciada por pressupostos escolanovistas naquela época em ascensão no Brasil. Os resultados das análises nesta obra apontam a presença de jogos para o ensino de aritmética embora contraditoriamente o autor explicita seu uso como forma de treinamento e não como meio de despertar o interesse dos alunos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
Set 18, 2017
Como citar
SCHNEIDER, Cintia; COSTA, David Antonio. JOGOS PARA O ENSINO DE ARITMÉTICA NO MANUAL A ARITMÉTICA NA ESCOLA NOVA – A NOVA DIDÁTICA DA ARITMÉTICA (1933) DE BACKHEUSER. Atos de Pesquisa em Educação, [S.l.], v. 12, n. 2, p. 406-423, set. 2017. ISSN 1809-0354. Disponível em: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/atosdepesquisa/article/view/6345>. Acesso em: 06 fev. 2023. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1809-0354.2017v12n2p406-423.

Palavras-chave

Escola Nova; História da Educação Matemática; Jogos para o ensino de aritmética; Manuais pedagógicos.