RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS NA EDUCAÇÃO BÁSICA: PRESSUPOSTOS TEÓRICOS QUE SUBSIDIAM A SUA CONSTRUÇÃO

  • Edilaine Vagula Universidade Estadual de Londrina

Resumo

O estudo teórico-descritivo tem como objetivo analisar as teorias pedagógicas que subsidiam o trabalho com os Recursos Educacionais Abertos, partindo do trabalho participativo e da produção do conhecimento em rede, desenvolvidas por processo de colaboração e co-criação.  Como resultados destacamos a perspectiva da aprendizagem colaborativa, dada à importância de o professor criar condições para configurar um ensino em rede, desenvolvendo competências para o emprego colaborativo das tecnologias. Concluímos que o processo de co-criação subjacente à aprendizagem colaborativa, contribui com a discussão sobre novas formas de interação e dialogicidade, possibilitando compartilhar o conhecimento construído coletivamente, ressaltando a importância das mídias no contexto atual da escola.

                                                                                                          

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
Set 18, 2017
Como citar
VAGULA, Edilaine. RECURSOS EDUCACIONAIS ABERTOS NA EDUCAÇÃO BÁSICA: PRESSUPOSTOS TEÓRICOS QUE SUBSIDIAM A SUA CONSTRUÇÃO. Atos de Pesquisa em Educação, [S.l.], v. 12, n. 2, p. 531-546, set. 2017. ISSN 1809-0354. Disponível em: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/atosdepesquisa/article/view/4869>. Acesso em: 02 fev. 2023. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1809-0354.2017v12n2p531-546.

Palavras-chave

Co-criação. Colaboração. Educação Básica. Recursos Educacionais.