O ESTAR-JUNTO NO COTIDIANO DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE BIOLOGIA: SOBRE POSSÍVEIS RELAÇÕES ENTRE AMBIÊNCIA E ACONTECIMENTOS CURRICULARES

  • Clívio Pimentel Junior Universidade Federal da Bahia

Resumo

Partindo de um mergulho interpretativo nos cotidianos escolar e universitário vivenciados por uma turma de licenciandos em Ciências Biológicas, o texto tem como objetivo problematizar as maneiras de estar-junto identificadas em um grupo e suas ressonâncias nas práticas pedagógicas curriculares. O trabalho configura-se em uma pesquisa no/do cotidiano com aporte de técnicas interpretativas e etnográficas. Episódios interpretativos são construídos como modo de apreensão dos fenômenos cotidianos vivenciados em campo. As constatações construídas provocam a pensar em como a força da ambiência cotidiana pode ser estruturante dos modos como os licenciandos pensam e agem em sala de aula, determinando suas tomadas de decisão em contextos de prática de ensino.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
Set 3, 2016
Como citar
JUNIOR, Clívio Pimentel. O ESTAR-JUNTO NO COTIDIANO DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE BIOLOGIA: SOBRE POSSÍVEIS RELAÇÕES ENTRE AMBIÊNCIA E ACONTECIMENTOS CURRICULARES. Atos de Pesquisa em Educação, [S.l.], v. 11, n. 2, p. 590-610, set. 2016. ISSN 1809-0354. Disponível em: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/atosdepesquisa/article/view/4851>. Acesso em: 06 jul. 2022. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1809-0354.2016v11n2p590-610.
Seção
Artigos

Palavras-chave

Currículo; Estética; Pós-modernidade