A SOCIOLOGIA DA INFÂNCIA E OS DESENHOS INFANTIS – uma contribuição sociológica à Educação

  • Francine Borges Bordin Universidade Federal de Pelotas
  • Denise Bussoletti Universidade Federal de Pelotas

Resumo

Este artigo busca revisar alguns conceitos oriundos da sociologia da infância, a fim de contribuir para a construção de um campo disciplinar, que investigue os desenhos infantis a partir de uma perspectiva sociológica. Dialogamos com os sociólogos Manuel Sarmento através do conceito de cultura da infância e William Corsaro com o conceito de reprodução interpretativa. Consideramos os desenhos infantis como importante fonte de acesso às culturas da infância e como uma forma de crítica à cultura contemporânea, permitindo-nos ampliar nosso conhecimento sobre as peculiaridades das crianças e suas infâncias, bem como aperfeiçoar nosso trabalho de pesquisa e de docência. 

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
Dez 17, 2014
Como citar
BORDIN, Francine Borges; BUSSOLETTI, Denise. A SOCIOLOGIA DA INFÂNCIA E OS DESENHOS INFANTIS – uma contribuição sociológica à Educação. Atos de Pesquisa em Educação, [S.l.], v. 9, n. 3, p. 681-698, dez. 2014. ISSN 1809-0354. Disponível em: <https://proxy.furb.br/ojs/index.php/atosdepesquisa/article/view/3897>. Acesso em: 02 fev. 2023. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1809-0354.2014v9n3p681-698.
Seção
Artigos

Palavras-chave

Desenhos infantis; Educação; Sociologia da Infância; Culturas infantis.