A INFLUÊNCIA DO EFEITO DISPOSIÇÃO NAS DECISÕES INDIVIDUAIS DE INVESTIMENTO

Mariana Almeida Ribeiro, Cesar Valentim de Oliveira Carvalho Junior, Joséilton Silveira Rocha

Resumo


Este estudo verificou a ocorrência do efeito disposição nas decisões individuais de investimento, buscando identificar se a apresentação de recomendações de analistas e informações contábeis reduz esse efeito e aprimora os resultados de negociações no mercado financeiro. Krishnan e Booker (2002) indicam que a presença da recomendação dos analistas reduz o erro de disposição para situações em que as operações de ganhos, mas não para perdas. Porém, quando são apresentadas informações adicionais o erro reduz para as duas situações. Para tanto, foi realizado uma survey constituída de apresentação de cenários que incorporavam situações relacionadas à venda ou manutenção de ações na carteira de investimento dos indivíduos. Os dados foram coletados em dois grupos de respondentes, estudantes de graduação em Ciências Contábeis e estudantes de especialização em Controladoria. A Análise de variância (ANOVA) foi utilizada na comparação dos três cenários: com recomendações de analistas e informações contábeis; apenas com recomendações de analistas; e sem informações adicionais. A regressão linear múltipla foi utilizada para verificar o impacto de variáveis independentes como idade, gênero, realização de investimentos, tipo de cenário, perfil do investidor e condições de mercado sobre a decisão de investimento.  A comparação dos cenários indicou que recomendações de analistas e informações contábeis não produziram efeitos significativos nas decisões de investimento em mercados favoráveis, visto que os mesmos já não eram afetados pelo efeito disposição. Os resultados encontrados, quanto aos mercados desfavoráveis, divergem do que é preconizado pela literatura e evidenciam que as recomendações de analistas aumentaram a ocorrência do efeito disposição nas decisões de investimento.


Palavras-chave


Efeito disposição; Decisões; Investimento; Confiança

Texto completo:

doi:10.4270/ruc.2015322

Referências


ACCORSI, A ; DECOURT, R. F. ; MADEIRA NETO, J. . Behavioral Finance and the Investment Decision-making Process in the Brazilian Financial Market. The Icfai Journal of Behavioral Finance, v. IV, p. 59-74, 2007.

ANDERSON, D. R.; SWEENEY, D. J.; WILLIAMS, T. A.. Estatística Aplicada a Administração e Economia. 2 Ed., São Paulo: Thomson, 2007.

ARRUDA, P. B.. Uma investigação sobre o efeito disposição. Dissertação apresentada ao Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, 2006.

BARBER, B. M.; ODEAN, T.. The behavior of Individual Investors. Handbook of the Economics of Finance, v. 2. Elsevier, North-Holland, p. 1533–1570, 2011. Disponível em: . Acesso em: 27 de dezembro de 2013.

BARBERIS, N.C; XIONG, W.. What Drives the Disposition Effect? An Analysis of a Long-Standing Preference-Based Explanation . The Journal of Finance. v. LXIV, n. 2, April 2009. http://dx.doi.org/10.1111/j.1540-6261.2009.01448.x

BARBERIS, N. C. Thirty Years of Prospect Theory in Economics: A Review and Assessment. Journal of Economic Perspectives. v. 27, n. 1, p. 173–196, 2013. http://dx.doi.org/10.1257/jep.27.1.173

BASU, S.; WAYMIRE, G. B. Recordkeeping and Human Evolution. Accounting Horizons. v. 20, n. 3, p. 201-229. Set. 2006. http://dx.doi.org/10.2308/acch.2006.20.3.201

BEN-DAVID, I. ; HIRSHLEIFER, D. Are Investors Really Reluctant to Realize their Losses? Trading Responses to Past Returns and the Disposition Effect. Review of Financial Studies. v. 25, n. 8, p. 2485-2532, 2012. http://dx.doi.org/10.2139/ssrn.1876594

BOFF, L. H.. Processo Cognitivo de Trabalho de Conhecimento: Um estudo exploratório sobre o uso da informação no ambiente de Análise De Investimentos. Tese apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Administração da Escola de Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, 2000.

BOGEA, F.; BARROS, L. A. B. C. Processo de Tomada de Decisão do Investidor Individual Brasileiro no Mercado Acionário Nacional: Um Estudo Exploratório enfocando o Efeito Disposição e os Vieses da Ancoragem e do Excesso de Confiança. Gestão & Regionalidade. v. 24, núm. 71, out, p. 6-18, São Caetano do Sul, 2008. Disponível em: . Acesso em: 25 de abril de 2013.

CRANE, A. D.; HARTZELL, J. C.. Is There a Disposition Effect in Corporate Investment Decisions? Evidence from Real Estate Investment Trusts. July 16, 2010. Disponível em: . Acesso em: 27 de dezembro de 2013. http://dx.doi.org/10.2139/ssrn.1031010

CESAR, A. M. R. V. C.; AKAMINE JR., A.; PEREZ, G. Processos Cognitivos Envolvidos na Estimativa de Metas Orçamentárias: Um estudo nas áreas de Logística e do Transporte Rodoviário de Cargas. In: 11º Congresso USP Controladoria e Contabilidade, São Paulo, 2011. Anais..., 2011.

CHENG, T. Y.; LEE, C. I; LIN, C. H.. An examination of the relationship between the disposition effect and gender, age, the traded security, and bull–bear market conditions. Journal of Empirical Finance, v. 21, p. 195–213, 2013. http://dx.doi.org/10.1016/j.jempfin.2013.01.003

DICKHAUT, J.. The brain as the original accounting institution. The Accounting Review. Austin, Texas, v. 84, n. 6, p. 1703–1712, nov.2009. http://dx.doi.org/10.2308/accr.2009.84.6.1703

________ et al. Neuroaccounting: consilience between the biologically evolved brain and culturally evolved accounting principles. Accounting Horizons. v. 24, n. 2, p. 221–255, jun.2010. http://dx.doi.org/10.2308/acch.2010.24.2.221

FIELD, A. . Discovering Statistics Using SPSS. London: Sage publications. Third Edition, 2009.

GARCIA, R.. O Processo de Decisão: Investigação teórico-empírica da mudança do paradigma analógico para o digital no ramo fotográfico brasileiro. Dissertação apresentada ao Programa de Mestrado em Contabilidade da Universidade Federal do Paraná. Curitiba, 2007.

GUJARATI, Damodar. Econometria Básica. Tradução de Maria José Cyhlar Monteiro. 2ª tiragem. Rio de Janeiro: Elsevier, 2006.

HAUBERT, F. L. C. ; DE LIMA, M. V ; HERLING, L. H. D. . Finanças comportamentais: um estudo com base na teoria do prospecto e no perfil do investidor de estudantes de cursos stricto sensu da grande Florianópolis. Revista Eletrônica de Estratégia & Negócios, v. 5, p. 171-199, mai/ago, 2012.

HARDIES, K. ; BREESCH, D. ; BRANSON, J. . Gender differences in overconfidence and risk taking: Do self-selection and socialization matter? Economics Letters. v.118, p. 442-444, 2013. http://dx.doi.org/10.1016/j.econlet.2012.12.004

HENS, T.; VLCEK, M. .Does prospect theory explain the disposition effect? Journal of Behavioral Finance, v. 12, p. 141–157, 2011. http://dx.doi.org/10.1080/15427560.2011.601976

KAHNEMAN, D. ; TVERSKY, A. . Prospect Theory: An Analysis of Decision under Risk. Econometrica, v. 47, n. 2, p. 263-292. Mar., 1979. http://dx.doi.org/10.2307/1914185

KRISHNAN, R. ; BOOKER, D. M. . Investors' use of analysts' recommendations. Behavioral Research in Accounting, p. 129-156. 2000.

LI, Y. ; YANG, L. . Prospect theory, the disposition effect, and asset prices. Journal of Financial Economics. v. 107, p. 715–739, march 2013. http://dx.doi.org/10.1016/j.jfineco.2012.11.002

LIMA, D. H. S. de ; RODRIGUES, J. M. ; SILVA, C. A. T. . Impacto do Nível de Evidenciação de Informações Contábeis sobre a Precificação de Ações no Contexto de Seleção Adversa: uma pesquisa experimental. In: IV Congresso Anpcont, Natal, 2010. Anais..., 2010.

LOPES, E. C. ; VALENTIM, M. L. P. . Mediação da informação no âmbito do mercado de capitais. Informação & Informação. Londrina, v. 13, p. 87-106, 2008.

LUCCHESI, E. P. O efeito disposição e suas motivações comportamentais: um estudo com base na atuação de gestores de fundos de investimento em ações. Tese apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Administração da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo. São Paulo, 2010.

MARTINEZ, A. L.. Analisando os Analistas: Estudo Empírico das Projeções de Lucros e Recomendações dos Analistas de mercado de capitais para as empresas brasileiras de capital aberto. Tese apresentada a Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas. São Paulo, 2004.

________. Determinantes da Acurácia das Previsões dos Analistas do Mercado de Capitais. UnB Contábil, v. 10, p. 69-96, 2007.

MOREIRA, B. C. M. . Três ensaios sobre Finanças Comportamentais e Neuroeconomia: testando o Efeito Dotação, Efeito Overconfidence e Efeito Gratificação Instantânea em crianças. Tese apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Administração na Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, 2012.

PRATES, W. R. . A Tomada de Decisão Individual e em Grupo: Um Ensaio Experimental em Finanças Comportamentais. Dissertação apresentada ao Programa de Pós Graduação em Administração da Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, 2012.

POLMAN, E. . Self–other decision making and loss aversion. Organizational Behavior and Human Decision Processes. v. 119, p. 141–150, november 2012. http://dx.doi.org/10.1016/j.obhdp.2012.06.005

SHEFRIN, H. ; STARTMAN, M. . The Disposition to Sell Winners Too Early and Ride Losers too Long: Theory & Evidence. The Journal of Finance. v. XL, n. 3, jul., 1985. http://dx.doi.org/10.1111/j.1540-6261.1985.tb05002.x

VIRLICS, A. . Investiment Decision Making and Risk. Procedia Economics and Finance. v. 6, p. 169 – 177, 2013. http://dx.doi.org/10.1016/S2212-5671(13)00129-9

WAYMIRE, G. Exchange guidance is the fundamental demand for accounting. The Accounting Review, v.84, p. 53–62. 2009. http://dx.doi.org/10.2308/accr.2009.84.1.53

YAO, J. ; LI, D. . Bounded rationality as a source of loss aversion and optimism: A study of psychological adaptation under incomplete information. Journal of Economic Dynamics and Control, v. 37, p.18–31, jan., 2013. http://dx.doi.org/10.1016/j.jedc.2012.07.002




DOI: http://dx.doi.org/10.4270/ruc.2015363-84

Locations of visitors to this page

................................................................................................................................................................................................................................................................

Revista Universo Contábil - ISSN 1809-3337
Rua Antonio da Veiga, 140, Sala D-202
CEP 89012-900, Blumenau, SC, Brasil
Tel.: +554733210938 Fax: +554733228818
e-mail: universocontabil@furb.br