A DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA E SUA CONTRIBUIÇÃO PARA UMA TOMADA DE DECISÃO MAIS INFORMADA

Maria Sofia Dias Borges, Sandra Cristina Dias Nunes, Maria Teresa Venâncio Dores Alves

Resumo


No actual contexto de incerteza em que vivemos, a liquidez de que uma empresa dispõe constitui uma das principais preocupações dos seus gestores. Assim, a informação contida na Demonstração dos Fluxos de Caixa reveste-se de particular importância. Neste sentido e, à semelhança de Barac (2010), o objectivo central deste estudo é comparar a informação financeira obtida através dos rácios calculados a partir de dados preparados com base nos pressupostos da contabilidade de caixa e da contabilidade do acréscimo. Os dados foram extraídos dos Relatórios e Contas de 82 empresas que integram a amostra e referem-se ao período entre 2005 e 2009. Os resultados do estudo demonstram a importância da utilização da Demonstração dos Fluxos de Caixa em conjunto com as restantes demonstrações financeiras, para uma melhor tomada de decisão. Através da análise factorial e da análise discriminante, verificou-se que quer o modelo baseado nos rácios de acréscimo, quer o modelo baseado nos rácios dos fluxos de caixa, ambos foram capazes de atingir uma eficácia classificatória. Daí se poder concluir que ambos são úteis para prever a situação futura de classificação de uma empresa.


Palavras-chave


Demonstração dos Fluxos de Caixa, Informação Financeira, Análise Discriminante

Texto completo:

doi:10.4270/ruc.2012109

Referências


ALVES, Teresa; NUNES, Sandra; MATA, Carlos. Os Fluxos de caixa por actividades e as fases do ciclo de vida da empresa: uma perspectiva relevante. In: JORNADAS LUSO ESPANHOLAS DE GESTÃO CIENTÍFICA, 20., 2010. Anais... ESCE/IPS, 2010.

BARAC, Zeljana. Cash flow ratios vs. accrual ratios: empirical research on incremental information content. The Business Review, Cambridge, v. 15, n. 2, 2010.

BEECHY, Thomas. Does full accrual accounting enhance accountability? The Innovation Journal: The Public Sector Innovation Journal, v. 12, n. 4, 2007.

CAIADO, António; GIL, Primavera. Fluxos de caixa. 2, ed. Lisboa: Rei dos Livros, 1996.

CAIADO, António; GIL, Primavera. Metodologias de elaboração dos fluxos de caixa. Lisboa: Áreas Editora, 2004.

COMISSÃO DE MERCADO DE VALORES MOBILIÁRIOS. Prestação de Contas. Disponível em: www.cmvm.pt. Acesso em: 5 fev. 2011.

EPSTEIN, Marc; PAVA, Moses. How useful is the Statement of Cash Flow? Management Accounting, Boston, p. 53, 1992.

GALLERY, Gerry; GALLERY, Natalie; SIDHU, Baljit. Quarterly cash flow reporting – is it useful? Accounting, p. 14-18, 2004.

HAIR, Joseph; ANDERSON, Rolph; TATHAM, Ronald; BLACK, Bill; BABIN, Barry. Multivariate data analysis. 6. Ed. Englewood Cliffs, NJ: Prentice Hall, 2005.

HEALY, Paul; PALE, Krishna. Information asymmetry, corporate disclosure, and the capital markets: A review of the empirical disclosure literature. Journal of Accounting and Economics, v. 31, p. 405-440, 2001. http://dx.doi.org/10.1016/S0165-4101(01)00018-0

INTERNATIONAL ACCOUNTING STANDARDS BOARD (IASB). IAS 7 – Demonstração dos Fluxos de Caixa, 1994.

INTERNATIONAL ACCOUNTING STANDARDS BOARD (IASB). IAS 1 – Apresentação de Demonstrações Financeiras, 2004.

LEE, Thomas; INGRAM, Robert; HOWARD, Thomas. The difference between earnings and operating cash flow as an indicator of financial reporting fraud. Contemporary Accounting Research, v. 16, p.749-786, 1999. http://dx.doi.org/10.1111/j.1911-3846.1999.tb00603.x

MARTINS, António. Introdução à análise financeira de empresas. 2. ed. Porto: Vida Económica, 2004.

MAROCO, João. Análise estatística com utilização do SPSS. Lisboa: Edições Sílabo, 2003.

MACKEVICIUS, Jonas; SENKUS, Kastytis. The system of formation and evaluation of the information of cash flows. Journal of Business Economics and Management, v. 7, n. 4, p.171-182. 2006.

MILLS, John; YAMAMURA, Jeanne. The power of cash flow ratios. Journal of Accountancy, n. 186, p.53- 61, 1998.

MOTTAGHI, Aliasghar. Accrual accounting, cash accounting and the estimation of future cash flows. Tese (doutoramento) - University de Sussex. Disponível em: . Acesso em: 30 jan. 2012.

MORAIS, Ana; LOURENÇO, Isabel. Apresentação das demonstrações financeiras. Lisboa: Publisher Team, 2003.

NEVES, João Carvalho. Análise financeira: técnicas fundamentais. Lisboa: Texto Editora, 1996.

PENMAN, Stephan. On comparing cash flow and accrual accounting models for use in equity valuation. Contemporary Accounting Research, v. 18, n. 4, p. 681–692, 2001. http://dx.doi.org/10.1506/DT0R-JNEG-QL60-7CBP

PEREIRA, António; PEDROSA, Carlos; RAMOS, Evandro. Modelo e análise de previsão de desempenho pela metodologia de análise multivariada de dados: um estudo empírico do sector de energia eléctrica. Revista Contemporânea de Contabilidade, v. 1, n. 5, p. 59-74, 2006.

PINHO, Carlos; TAVARES, Susana. Análise financeira e mercados. Lisboa: Áreas, 2005.

QUINTANA, Alexandre; RODRIGUES, Jeniffer; GONÇALVES, Taiane. Demonstração de fluxos de caixa como ferramenta complementar de informação para a gestão financeira. Revista CRCRS, n. 09, 2008.

REIS, José. Demonstração dos fluxos de caixa. 2005. Disponível em: . Acesso em:10 jan. 2011.

SPADIN, Carlos. A importância da demonstração de fluxos de caixa enquanto instrumento gerencial para a tomada de decisão. Revista de Ciências Gerenciais, v. 12, n. 14, 2008.

SUN, Lan; RATH, Subhrendu. Earnings management research: a review of contemporary research methods. Global Review of Accounting and Finance, v.1, n. 1, p. 121-135, 2010.




DOI: http://dx.doi.org/10.4270/ruc.20128

Locations of visitors to this page

................................................................................................................................................................................................................................................................

Revista Universo Contábil - ISSN 1809-3337
Rua Antonio da Veiga, 140, Sala D-202
CEP 89012-900, Blumenau, SC, Brasil
Tel.: +554733210938 Fax: +554733228818
e-mail: universocontabil@furb.br